Seu Pensamento Pode Ativar Saúde ou Doença

A saúde é entendida como o reflexo do equilíbrio de ser em relação às leis divinas. Na visão espírita, o homem é um ser imortal, alguém que preexiste à vida física, que sobrevive ao fenômeno da morte e, ao longo do processo evolutivo, através da reencarnação, vai crescendo, desenvolvendo-se em direção a Deus. A saúde do corpo físico é um reflexo do nível de equilíbrio desse espírito em processo evolutivo perante o amor, o belo e o bem. Já a doença é uma sinalização interior de reequilíbrio, convidando o ser a reconectar-se com o amor e com Deus.

Somos atualmente o resultado de nossas escolhas através de existências seculares.

Se erramos nossa trajetória e nossas escolhas, durante o processo evolutivo espiritual, desta ou de outras vidas, o que se há de fazer é tomarmos consciência do fato ocorrido, arrepender-nos e tomarmos outro rumo com vistas a evolução.

Nossa conduta e postura durante a vida pode tornar mais leve ou pesado o processo cármico inicialmente programado nesta encarnação.

Os processos cármicos, advindos de outras encarnações, estão marcados em nosso código genético pelos cromossomos, mas só este fato não faz com que fatalmente doenças se manifestem.

Pensamentos e emoções são geradores de saúde ou doença.

As emoções promovem intensas descargas neuroquímicas em nosso corpo e as moléculas liberadas vão agir sobre as células de todo o organismo, promovendo mensagens intracelulares de ativação ou desativação dos genes, determinando saúde ou doença. Isso se expressará na forma de sinais e sintomas. O corpo é uma tela que expressa a história de vida do indivíduo na forma de capítulos felizes ou infelizes.

Emmanuel pela psicografia de Chico Xavier nos esclarece dizendo que


toda emoção violenta sobre o corpo é semelhante a martelada forte sobre a engrenagem de máquina sensível e toda aflição amimalhada é como ferrugem destruidora, prejudicando-lhe o funcionamento. Toda tensão mental acarreta distúrbios de importância no corpo físico. O pensamento sombrio adoece o corpo são e agrava os males do corpo enfermo.

Tudo que fazemos e sentimos gera um efeito e ele retorna para nós sem errar endereço.

O sofrimento que redime e que traz consolo é aquele sofrimento purificador, que amolece o coração, que nos faz pensar na vida de forma diferente, que nos remove os conceitos, que modifica a percepção de nós mesmos e a existência ao nosso redor.

Materializamos doenças, se não nos dispusermos a melhorar nosso nível vibratório e sairmos de condicionamentos doentios de séculos.

É através das nossas ondas mentais que as células são coordenadas na ativação dos genes, das doenças, ou na sustentação da saúde, então são os padrões mentais que estabelecem um funcionamento saudável ou não do corpo. Além disso, os nossos pensamentos criam em torno de nós a vida que atraímos.

Segundo Emmanuel,


assim como a aranha vive no centro da própria teia, o homem vive submerso nas criações do seu pensamento.

Imagem muito feliz, pois o espírito, pensando ininterruptamente, afeta com sua vibração peculiar o mundo em que vive, estabelecendo ligações com criaturas, circunstâncias e localidades, bem como edifica ou destrói o seu mundo íntimo, das células ao organismo, conforme elege a qualidade do que cultiva em seu campo mental e emocional. Sendo assim a aranha constrói a própria teia, que nasce dela, e nela se locomove, captura insetos, interage com o ambiente e reside. Da mesma forma o espírito, pensando cria e criando se alimenta daquilo que elegeu para sua vida interior.

Seu Pensamento Pode Ativar Saúde ou Doença

Desta forma mesmo doenças com verdadeiras bases genéticas como pode acontecer com o câncer ou com a depressão, não nos torna escravos desta genética. Somos o agente que ativa ou não os genes das doenças. Os genes genéticos precisam ser ativados e eles são ativados pelos padrões de comportamento moral e de frequência de pensamento que adotamos na vida. Muitas vezes um comportamento de rebeldia, uma voz inconsciente que diz assim: ‘já que não tenho a vida que quero, não aceito a vida que tenho’, faz com que nosso padrão de sintonia abaixe facultando a ativação dos genes da depressão, ou sentimentos de mágoas cultivados por longos anos levam a ativação dos genes do câncer

Esta é a Lei de Misericórdia Divina que concede “a cada um segundo suas obras”.

Os pensamentos favoráveis à saúde são aqueles que estão em sintonia com a lei de Deus. Então através do bem pensar, bem falar e do bem agir, nós mantemos o nosso organismo sadio, equilibrado e estável.

Você deve entender a força que seu pensamento tem, ele é a fonte de tudo. Entendendo isso você deixa de ser vítima da vida, das coisas, e passa a ser agentes do próprio destino.

 É preciso que a gente se conscientize do nosso poder pessoal e de que a vida está em nossas mãos, independente das nossas decisões, das nossas escolhas. Isso faz com que nós tomemos em nossas mãos o direito à saúde e ao reequilíbrio do corpo e da mente.

Equipe editorial CAPO Bezerra de Menezes
Este texto pode ser reproduzido desde que citada a fonte.

Gostou do conteúdo acima?
Veja outros que podem te interessar…

Esta imagem possuí um atributo alt vazio; O nome do arquivo é image-15.png

Um comentário

Queremos saber sua opinião sobre este artigo/postagem. Deixe aqui seu comentário.